Posts

mastigacao-Medium

Mastigação

Você sabe comer corretamente?
Quanto tempo dura a sua refeição?

Essas são perguntas básicas que muitas pessoas não param para refletir. Na eterna busca por saúde e qualidade de vida, as primeiras mudanças (em sua maioria) sempre começam pela alimentação. Mas já parou para pensar em como está a sua mastigação? Quantas vezes você mastiga antes de engolir a comida? Você aprecia o que come?

No corre corre do dia a dia, não se tem tempo para mastigar e nem para apreciar o que estamos comendo.

Alguns fatos:
-A mastigação incorreta causa sobrecarga aos órgãos digestivos, e indigestão. Garanta que a sua digestão comece corretamente.
-Com uma mastigação correta e devagar, é possível se saciar com quantidades menores de comida.
-Mastigação ruim podem causar gases, azia, sonolência pós refeição.

Dicas:
Refeições pequenas: 15 a 20 minutos.
Refeições maiores: 20 a 40 minutos.
Tenha certeza que todo o alimento está triturado antes de engolir.

Deguste, cheire, saboreie e mastigue!

Fontes:
-APCD
-Scielo: Mastigação e dietas alimentares para redução de peso

 

Dicas para lanches saudáveis nas escolas | Shizen Produtos Naturais

Dicas para lanches saudáveis nas escolas

Com o início das aulas, os estudantes deparam com a tentação dos lanches fritos, salgadinhos e doces vendidos nas cantinas de algumas escolas. Há colégios que proíbem a venda desses alimentos, mas onde ainda é permitido a orientação aos pais é que os lanches preparados em casa podem ser a saída para manter a alimentação saudável de crianças e adolescentes.

A nutricionista e professora do Departamento de Nutrição da Universidade de Brasília Raquel Botelho dá dicas aos pais sobre os alimentos que devem ser evitados e o que é recomendável para o lanche. Na lista do que deve ser evitado estão os alimentos ricos em açúcares, gordura e sódio, como biscoitos recheados, doces, refrigerantes e salgadinhos industrializados. “Esses salgadinhos são riquíssimos em sódio, e as crianças estão consumindo muito sódio e ficando hipertensas cedo. Deixe esses alimentos para um momento de festa, de fim de semana.”

Item comum na lancheiras das crianças, os sucos de caixinha também não são uma boa opção, pois podem ter mais açúcar que os refrigerantes. Eles podem ser substituídos por água de coco e sucos naturais.

As frutas são boas alternativas para levar à escola. Além da fruta, é interessante incluir comidas que garantam energia, como sanduíches naturais, pão e torradas com queijo magro, geleia ou requeijão.

Com a correria do dia a dia, o comum é que os pais não tenham tempo para preparar lanches, e o mais prático é recorrer aos industrializados. Nesse caso, a nutricionistas ressalta que é importante procurar produtos naturais, sucos e geleias sem açúcar, biscoitos integrais e ficar atento aos rótulos para verificar a quantidade de açúcar e gordura.

Os pais que mantêm conta na cantina, ou compram tickets mensalmente, podem se informar sobre o que é vendido para orientar os filhos no consumo e até combinar o que será fornecido ao estudante.

Para ajudar a quebrar a resistência ao consumo de alimentos saudáveis, a nutricionista Raquel Botelho sugere que os pais negociem com os filhos um dia da semana para que levem o que quiserem para a escola ou comprem lanche na cantina. “Se nos outros dias a criança vai ter uma alimentação mais saudável, ela vai ver que algumas coisas não valem a pena ou vai passar a não gostar, porque vamos adaptando nosso paladar.”

Outra dica é não colocar alimentos em excesso na lancheira dos filhos. Os pais devem mandar apenas a porção necessária para não atrapalhar a refeição seguinte, que é o almoço ou o jantar.

A advogada Claudia Miziara matriculou o filho de 6 anos em uma nova escola do Distrito Federal, este ano, e ficou surpresa com as regras para a alimentação. Além do refeitório vender apenas comidas com produtos integrais, açúcar mascavo e sucos naturais, os pais não podem mandar de casa nada que fuja dessa linha. “Eu tinha preocupação com lanches saudáveis, porque a cantina da escola anterior vendia salgadinhos e doces, e os coleguinhas também levavam produtos assim e acabavam compartilhando com meu filho”, disse.

Claudia aprovou o método, apesar de considerar ser mais trabalhoso. “Achei bom, apesar de ser mais fácil mandar um pacote de biscoito e um suco de caixinha. Agora, faço suco de fruta bem cedo, faço bolos, e quando ficar complicado vou comprar o lanche da escola. Vendo os coleguinhas comerem assim, meu filho vai acabar se acostumando mais fácil e creio que no futuro vamos colher bons frutos.”

Motivados pela preocupação com a saúde e com a obesidade infantil, prefeituras e governos estaduais aprovaram leis que proíbem a venda nas escolas de alimentos que não fazem bem à saúde. Um exemplo é Minas Gerais, onde a rede pública estadual não permite a venda, nas escolas, de frituras em geral, salgados com massa follhada, chocolates, doces, biscoitos recheados, refrigerantes, molhos como catchup e maionese e salgadinhos industrializados.

Um projeto que tramita no Congresso Nacional, desde 2005, propõe que esse tipo de proibição se torne nacional em escolas de educação básica. O Projeto de Lei 406/2005 tem como objetivo “disciplinar a comercialização de alimentos nas escolas de educação básica e a elaboração de cardápios do programa de alimentação escolar”. Pelo texto, ficaria vedada a venda de bebidas de baixo teor nutricional e alimentos com quantidades elevadas de açúcar, gorduras saturadas, gorduras trans e sódio.

 

Fonte: http://agenciabrasil.ebc.com.br/

Azeite de oliva é fonte de gorduras do bem e ajuda a prevenir doenças | Shizen Produtos Naturais

Azeite de oliva é fonte de gorduras do bem e ajuda a prevenir doenças

Estudos demonstram que ele contribui para a redução dos triglicerídeos e riscos cardiovasculares e aumenta o HDL colesterol;

Obtido da azeitona, fruto proveniente da Oliveira, através do esmagamento e prensagem, o azeite de oliva possui muitos benefícios para a saúde, como prevenção de doenças e até melhora da pele. Ele contém na sua composição maior quantidade (em torno de 80%) de ácidos graxos monoinsaturados (ômega 9). Possui um potente efeito antioxidante por ser excelente fonte das vitamina E, A e K, e de compostos fenólicos e flavonoides.

Os azeites devem ser acondicionados em vidro escuro com proteção à luz e sem contato com o oxigênio, para não alterar o sabor e o aroma. Como todo óleo vegetal possui 9 calorias/ grama, portanto seu uso deve ser estimulado com moderação. Estudos clínicos demonstram vários efeitos benéficos na utilização de ácidos graxos monoinsaturados/azeite de oliva.

  • Redução de triglicerídeos
  • Aumento do HDL, o bom colesterol
  • Correlação na melhora da resistência a insulina
  • Positivo na redução da pressão arterial
  • Redução de risco cardiovascular Redução do efeito hipercolesterolêmico, níveis aumentados de colesterol na corrente sanguínea
  • Bom funcionamento intestinal Prevenção do envelhecimento celular
  • Combate aos radicais livres
  • Retardo da perda da óssea

Confira os tipos de azeites:

Azeite de oliva extravirgem: é obtido da primeira prensagem a frio em temperatura ambiente. Quanto maior a quantidade de “gorduras boas”, menor será a acidez. Este azeite possui acidez máxima de 0,8%. Tem sabor e aroma mais acentuado e maior grau de pureza, tendo a maior quantidade de antioxidantes. Não deve ser utilizado para cozinhar os alimentos, pois perde suas características de sabor e odor. Utilizar em alimentos já prontos.

Azeite de oliva virgem: obtido da segunda ou terceira prensagem da azeitona. Possui acidez máxima de 2%. Melhor uso culinário.

Azeite de oliva refinado: Quando apresenta uma acidez muito elevada (maior que 3,3%), é submetido a um tratamento para neutralizar o excesso de acidez, sendo então classificado como Refinado e tendo acidez final de no máximo 0,3%. Já utiliza algum tipo de solvente. Perde parte dos compostos antioxidantes

Azeite de oliva: Mistura de azeite refinado e de azeite virgem ou extra virgem, não possui a mesma composição e benefícios que o extra virgem, mas é um bom azeite principalmente para cozer.

Podemos usar azeite de oliva para cozinhar?

Ele pode ser usado para cozer alimentos em água como cereais (arroz), leguminosas (feijão, soja) e hortaliças (verduras e legumes). Apresenta boa resistência às alterações químicas e físicas, não ocorrendo a oxidação das moléculas das gorduras em temperaturas até 180º C, não perdendo seu efeito protetor de ácido graxo monoinsaturado. A temperatura de cocção em sistema aberto (100ºC) ou fechado (pressão a 120ºC) é insuficiente para oxidação das moléculas de ácidos graxos.

Indicação de uso em preparações frias como saladas, acrescentar já na comida no prato, em refogados e ensopados. Não deve ser utilizado para fazer “frituras”, os mais indicados e estáveis são o óleo de soja e de canola.

 

Fonte: Globo Esporte

10 Dicas para Emagrecer | Shizen Produtos Naturais

10 dicas para emagrecer após o Réveillon

O que era um ato espontâneo, passa a ser pré-determinado. Explica-se: emagrecer requer horários para as refeições, não poderá mais ir correndo para a geladeira a qualquer momento só para satisfazer uma mera vontade. Alimentar-se é fonte de prazer, mas, primeiramente, fonte de energia e nutrientes para o organismo. Convenhamos, quando se fala em dieta ou disciplina alimentar quem é que não torce o nariz? Quem é que não acha que vai cair de pára-quedas em um campo de concentração, onde irá tocar a sirene da alimentação sem gosto?  

 Esqueça tudo isso! Alimentação sem sabor e altamente restrita significa caminho oposto do emagrecimento saudável. Isso mesmo. Antes de dar pulos de alegria é bom saber e ter certeza do que pretende para você. Não há fórmulas mágicas. Se quer uma receita para te ajudar a emagrecer, sem segredos, atividade física! Será bom estar mais disposto e, de quebra, queimar calorias e melhorar o condicionamento físico.

 Emagrecer lentamente é desestimulante, já que não vê os resultados rapidamente? E o que dizer das várias tentativas frustradas? Como se sente quando se recorda de tantos sacrifícios?

 Então, siga as 10 dicas para emagrecer de forma saudável duradoura.

 

1. Não tenha pressa. Se está acima do peso, pergunte-se há quanto tempo carrega esse excesso. Então, para que eliminar peso do dia para a noite? 

 2. Corrija gradativamente a sua atitude em relação aos alimentos.

 3. Não exclua de um dia para outro aquele alimento que só de pensar dá água na boa. Na verdade, nunca o exclua, mas saiba quando e quanto pode ingerí-lo.

 4. Controle a ansiedade. Encontre uma distração ou um hobby que faça com que a sua atenção desvie da comida.

 5. Estipule horários para as refeições.

 6. Deixe de comer aquele doce e substitua pela fruta da sua preferência.

 7. Beba muita, mas muuuuuita água.

 8. Deixe o seu prato colorido. Saladas e legumes devem estar presentes diariamente no almoço e jantar.

 9. Se alguém notar que está adotando novos hábitos e perguntar se está de “regime”, mande um audível “não”. Muitas pessoas adoram sabotar as boas intenções alheias.

 10. Confie em você! Tenha sempre uma atitude positiva. Estar determinada e confiante é mais do que meio caminho andado para atingir o seu objetivo. 

 

Fonte: MaisEquilibrio

Mel o aliado da perda de peso | Shizen Produtos Naturais

Mel, o aliado na perda de peso

O Mel contém nutrientes, tais como proteínas, água, energia, fibras, açúcares e várias vitaminas e minerais. Ele contém os minerais, tais como ferro, sódio, potássio, fósforo, zinco e cálcio. O mel é uma boa fonte de vitaminas que incluem folato, niacina, riboflavina, vitamina C e vitamina B-6. Leia Mais sobre os Benefícios do Mel na Perda de Peso.

Mel e Água Quente: Normalmente, a gordura permanece como um recurso não utilizado no corpo, a adição de grandes quantidades, acredita-se que o mel tem a capacidade de mobilizar esta gordura armazenada. Quando essa gordura é queimada para fornecer energia para suas atividades diárias, você vai ver uma diminuição gradual no peso e um alívio para os problemas de obesidade.

Mel também foi mostrado para aumentar positivamente os níveis de colesterol “bom” no corpo, e também reduz a tensão cardiovascular, o que significa que você pode levar uma vida mais ativa e saudável, que vai promover ainda mais seus programas na perda de peso. A pesquisa sugere que o consumo do mel (cerca de uma colher de sopa por dia), com uma quantidade igual de água quente pode estimular este processo benéfico.

Mel e suco de Limão: O mel também pode ajudar na perda de peso quando consumido com água quente e suco de limão. Muitas pessoas bebem esta fórmula como um começo para o seu dia como uma forma de estimular a perda de peso. O mel é embalado com 22 aminoácidos e uma série de vitaminas e minerais valiosos, muitos dos quais beneficiam o metabolismo do corpo. Ao regular a função do metabolismo, o alimento é utilizado adequadamente, a gordura é transformada em energia utilizável, e a saúde global é melhorada.

O sumo de limão é também carregado com vitamina C (também conhecida como ácido ascórbico ), que aumenta a função hepática e o metabolismo da gordura. Além disso, o sumo de limão aumenta a função da glutationa, que é um antioxidante importante para a desintoxicação e emagrecimento rápido.

 Mel e Canela: Outra receita popular combina canela com mel e água morna. Estudos sugerem que o uso da canela é benéfico para a perda de peso.

Misture uma colher de sopa de canela com uma colher de sopa de mel e uma xícara de água morna. Misture esses ingredientes e beba com o estômago vazio. Canela tem um efeito regulador sobre os níveis de açúcar no sangue e o metabolismo da glicose. Altos níveis de açúcar no sangue pode levar ao aumento de armazenamento de gordura no corpo, de modo a canela tem um impacto positivo sobre este aspecto na perda de peso. Combinado com o poder metabolismo do mel, esta mistura pode ser um poderoso impulso aos seus esforços na perda de peso.

Dieta de Hibernação: Com todas as novas dietas que surgem a cada ano, é difícil saber qual delas irá beneficiar o seu corpo e nos esforços na perda de peso. Um dos aspectos da dieta de hibernação para perder peso é consumir uma colher de mel antes de ir para a cama. Enquanto você dorme, o mel vai continuar estimulando a função do fígado , manter o seu metabolismo de queima de gordura, e facilitando a quantidade de hormônios do estresse que estão em seu sistema. Como o nome indica, ele ajuda a hibernação de uma forma saudável e relaxante!

Melhora a digestão: Mel também melhora a sua digestão, o que pode ajudar na redução do peso estático no seu sistema digestivo. Portanto, o mel pode ser consumido após o jantar, especialmente depois de comer uma grande refeição.

Bom substituto do Açúcar: O mel é um bom substituto do açúcar. Ele pode ser usado em diferentes bebidas, tais como chá, sumo de limão. Entre outros produtos alimentares, que pode ser usado em sobremesas, panquecas, em vez de açúcar. Pode-se adicionar mel em aveia, sanduíche na manteiga de amendoim, tem bom gosto e um menor risco no ganho de peso.

O seu programa de perda de peso deve se concentrar na redução da ingestão de calorias, em vez de parar a ingestão de calorias. Além disso, você também aumentar sua eliminação diária de calorias através de exercícios regulares.

 

Fonte: SaudeDica

cereais matinais e o aumento de expectativa de vida shizen | produtos naturais

Os Cereais e o aumento de expectativa de vida

Um levantamento feito por uma entidade que reúne fabricantes de cereal no Reino Unido, descobriu que o aumento na ingestão de fibras está associado a menores taxas de mortalidade. 

O estudo acompanhou 452.717 mil pessoas na Europa durante 12 anos e sete meses, que responderam a questionários para avaliar a quantidade de fibras que elas ingeriam. Durante esse período, foram registradas 23.582 mortes. Analisando a relação entre o consumo de cereais e mortalidade, os cientistas descobriram que a ingestão de fibras foi associada a maiores índices de expectativa de vida no geral, bem como com menores ocorrências de doenças dos sistemas circulatório e digestivo.

Estudos anteriores mostram que o consumo de cereais no café da manhã fornecem boas quantidades de micronutrientes, fibras, proteínas e carboidratos com baixos índices de gorduras. De acordo com os autores da pesquisa atual, os cereais matinais fornecem a quantidade total de fibras que deve ser consumida diariamente. O alimento pode ainda ser fonte de cálcio, quando consumido com leite.

A relação entre ingestão de fibras e aumento da longevidade pode acontecer porque elas ajudam a manter o intestino regulado, fator que contribui para o aumento da longevidade. Quando você estimula o crescimento da flora intestinal benéfica, ela será mais efetiva no extermínio de bactérias que entram em nosso organismo por meio da alimentação.

Inclua mais fibras na dieta e aproveite os benefícios

Apesar de as fibras apresentarem diversos benefícios conhecidos para a saúde, apenas 32% da população brasileira consome as quantidades adequadas, de acordo com a Pesquisa de Orçamentos Familiares do IBGE, publicada em julho de 2012. Segundo as recomendações Organização Mundial da Saúde, a ingestão de fibras recomendada ao adulto é de 20 a 30g diariamente. Confira dicas de especialistas de como incluir esse nutriente na rotina e aproveitar todos os seus benefícios.

Leite com cereal

Acrescentando o cereal ao seu leite matinal, você também está adicionando fibras insolúveis. Os cerais, principalmente os integrais, são os campeões quando o assunto é esse nutriente.

Alimentos integrais

De acordo com a endocrinologista e nutróloga Ellen Paiva, os alimentos integrais possuem mais grãos. Por isso, são mais ricos em fibras insolúveis e aumentam a saciedade, ajudando a dieta e trazendo benefícios à saúde. “Não há, entretanto, a necessidade de trocar todos os carboidratos por integrais, basta consumir uma porção por dia”, explica Ellen.

Investir no arroz e feijão

As fibras e a proteína vegetal presentes no feijão são imbatíveis tanto no quesito nutricional quanto na riqueza em fibras. Já o arroz possui várias vitaminas do complexo B, carboidratos, cálcio, folato e ferro. Se a sua intenção é colocar ainda mais fibras no prato, prefira a versão integral desse alimento.

Prato colorido

Além de enriquecer o seu cardápio com fibras solúveis, você ainda está enchendo-o de saúde. “A variedade de cores representa variedade de nutrientes, principalmente vitaminas e minerais”, conta a nutróloga Ellen Paiva.

Essa é uma opção muito nutritiva e saborosa para a sobremesa, além de ser rica em fibras solúveis. Invista na criatividade ao prepará-las: podem ser acompanhas de aveia, granola, semente de linhaça ou outros grãos, que acrescentam ainda mais fibras ao lanche.

Comer o bagaço e a casca das frutas

A maior fonte de fibras das frutas está no bagaço e na casca. De acordo com a nutróloga Ellen Paiva, o negócio é investir principalmente no bagaço da laranja e na casca da maçã, que possuem muitas fibras e vitaminas. “A maior parte da vitamina C da maçã fica em sua casca”, exemplifica Ellen.

 

Fonte : MinhaVida

Alove Vera e seus Beneficios Shizen Produtos Naturais

Os 12 Benefícios da Aloe Vera Para Saúde

A Aloe Vera é uma planta única e bonita, com folhas suculentas texturizados. Aloe Vera é amplamente utilizado e é conhecido por trazer muitos benefícios medicinais e cosméticos. O Suco de Aloe Vera é aplicado diretamente sobre cortes e feridas por causa de suas propriedades curativas e é consumida para melhorar a imunidade do corpo. Então, Leia mais sobre os benefícios nutricionais da Aloe Vera para saúde.

Aloe Vera contém principalmente água (cerca de 95%) e é uma fonte de uma grande variedade de produtos químicos úteis. O Suco de Aloe vera é uma boa fonte de Vitamina A, Vitamina C, Vitamina D, Vitamina B1 e Vitamina B2. Além dos minerais que atuam como electrólitos no corpo.

 

  • Benefícios da Aloe Vera Para Pele: A Aloe Vera é muito usado em vários produtos cosméticos. Aloe Vera podem ser aplicada quando ocorrer queimaduras de sol ou quando há um surto de espinhas. O Suco de Aloe Vera ajuda a matar as bactérias e seca a espinha. Ela também ajuda no rejuvenescimento da pele e reduz o envelhecimento e as rugas. Também podem ser aplicada a diversos cortes, queimaduras, feridas e irritações da pele. Além disso, o Aloe Vera também podem ser aplicado sobre a pele antes da exposição ao sol, pois ajuda na prevenção de raios nocivos entrem na pele. 
  • Benefícios da Aloe Vera Para o Cabelo: A Aloe Vera Mostrou-se ser eficaz em promover o crescimento do cabelo. O gel da Aloe Vera podem ser aplicado em áreas calvas para recuperar o cabelo perdido. Enzimas proteolíticas ajudam na remoção de pele morta do couro cabeludo, permitindo, assim, os nutrientes entrar. Além disso, A Aloe Vera podem ser aplicada para evitar a secura e ainda ajuda no condicionamento do couro cabeludo. A Composição do extrato de Aloe Vera é um pouco semelhante à queratina, que é o bloco de construção do cabelo. Vários aminoácidos de Aloe Vera também nutrir a qualidade do cabelo e o crescimento.
  • Benefícios da Aloe Vera Contra o Câncer: O Aloe Vera contém polissacáridos que ajudam no combate à produção de células de câncer no corpo. Ela provoca a produção de óxido nítrico, Estudos mostrou que ele reduzir tumores. Manana acetilada é também encontrada em Aloe Vera, que possui propriedades anti-câncer.
  • Aloe Vera Melhora a Digestão: Suco de Aloe Vera e seu gel ajuda na eliminação de toxinas do corpo. Devido às suas propriedades laxativas, eles podem ajudar contra a prisão de ventre. Além disso, ela podem impedir significativamente vários distúrbios gastrointestinais e neutraliza o ácido alcalino no corpo. É, portanto, útil contra úlceras do estômago e outros problemas relacionados. 
  • Aloe Vera Reduz a Pressão Arterial: Aloe Vera ajuda na dilatação dos capilares, aumenta a circulação e, portanto, proporciona um fluxo adequado de sangue. Adaptogen é um composto da Aloe Vera, que ajuda a combater e reduzir o estresse. Além disso, Aloe Veraé uma rica fonte de Vitamina C que fortalece as artérias e veias.
  •  Aloe Vera reduz o nível de açúcar e Diabetes: A Aloe Vera por ser uma fonte de anti-oxidante, ajuda no controlo do nível de açúcar no organismo. Suco de Aloe Vera ajuda na limitação da absorção de insulina no corpo. Devido ao seu elevado teor de fibras e na presença de polissacáridos e glicoproteínas, que permite uma melhor utilização da glicose no corpo.
  •  Aloe Vera Reduz o colesterol: Como mencionado anteriormente, Aloe Vera é uma boa fonte de antioxidantes, que é bastante útil contra o colesterol e vários problemas relacionados com o coração. A superóxido-dismutase é um antioxidante encontrado na Aloe Vera que ajuda na proteção contra a oxidação por radicais livres. Os antioxidantes ajudam a reduzir o acúmulo de colesterol nas paredes das artérias.
  • Aloe Vera tem propriedades anti-inflamatórias: Os ácidos gordos no Aloe Vera ajuda no combate à inflamação em várias partes do corpo. O gel de Aloe Vera ou seu extrato de folha pode ser aplicado diretamente sobre os tecidos ou cortes e feridas. Aloe Vera atua como um agente anti-inflamatório, uma vez que é uma fonte de ácido salicílico e salicilatos. Eles ajudam na prevenção da produção de hormônios chamados prostaglandinas.

 

 Outros Benefícios da Aloe Vera

  • Os benefícios da Aloe Vera incluem para problemas respiratórios, tais como a gripe, tosse, bronquite e herpes.
  • O consumo do suco de Aloe Vera é muito benefico para a saúde da boca, pois ajuda no fortalecimento dos dentes e gengivas.
  • O Aloe Vera ajuda a fortalece a imunidade pois é Rico em vários aminoácidos e minerais, tais como zinco, cálcio, manganês, cobre e ferro.
  • A Aloe Vera atua como um composto alcalino e equilibra a produção de ácido em excesso no corpo e normaliza nível de pH do sangue.

Fonte: SaudeDica